quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Céu da Semana - De 21 a 27 de Setembro de 2015 - Eclipse total da Lua 27/09




segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Primeiro satélite artificial totalmente elétrico


O satélite totalmente elétrico é construído em uma plataforma pequena, que permite o lançamento de dois satélites por foguete, reduzindo os custos.



A Boeing anunciou a entrada em operação com êxito do primeiro satélite artificial que dispensa os foguetes químicos tradicionais para se movimentar e controlar sua órbita. O anúncio foi feito depois que os técnicos confirmaram que o satélite teve êxito em sua entrada em operação com os novos motores elétricos - ele entrou em órbita em 31 de Agosto.

Motores iônicos

O satélite, chamado ABS-3A, é um satélite de comunicações pertencente à empresa ABS, que o utilizará para aumentar a cobertura de serviços sobre a Europa, norte da África e América do Norte. Seu grande diferencial é a substituição dos microfoguetes tradicionais por motores de propulsão elétrica, conhecidos genericamente como motores iônicos.

Em vez de queimar um combustível químico para mover o satélite, os motores elétricos ionizam moléculas de um gás inerte, o xenônio, expelindo-as em alta velocidade, gerando assim o empuxo necessário para as manobras. O satélite, da classe 702SP - carga útil de 200 a 680 quilogramas (kg) -, vai consumir apenas cinco kg de xenônio por ano para manter sua posição, o que significa que ele poderá se manter operacional por um período muito mais longo do que os satélites com propulsores tradicionais.

Satélite totalmente elétrico

Os motores iônicos eram inicialmente considerados inadequados para satélites artificiais por terem uma aceleração lenta, embora contínua, o que os tornaria adequados apenas para sondas espaciais que tivessem que viajar por longas distâncias, acelerando continuamente até atingir altas velocidades.

O lançamento de um satélite de comunicações totalmente elétrico altera esse panorama, mostrando que os avanços nos motores elétricos permitiram ganhos substanciais de desempenho. Um segundo satélite totalmente elétrico, o ABS-2A, já está em construção e deverá ser lançado no início do próximo ano.

Fonte: Inovação Tecnológica

domingo, 13 de setembro de 2015

Como colocar o fio no espagueti normal ou termoretrátil